Ângela Maria

Sou mãe, avó e teimosamente romântica. Não me considero uma poetisa e sim, catadora de palavras, Assim, vou dando forma aos textos, cada frase, cada verso, transformando amor em poesias! Um amor que não consigo guardar dentro de mim e exponho num pedaço qualquer de papel. Gosto de falar de amor, porque sem amor a vida não tem sentido... é vazia... é nada! Escrevo faz pouco tempo, há uns 8 anos, mas já transmiti tantas emoções que parece que escrevo desde criança.