Diego de Lima - Editor Chefe

Filho de um potiguar e um paraibano que migraram para o Rio de Janeiro na década de oitenta, Diego se considera o "encontro" entre três culturas: A nordestina, passada através de seus pais e a qual sempre se identificou muito, amante das danças, costumes e comidas nordestinas que é; a cultura da favela, onde viveu até os dez anos de idade, e onde pode conhecer a dura realidade de uma vida de privações; e a cultura do “asfalto” (como é conhecida pelos moradores da favela) da Zona Sul do Rio de Janeiro, onde passou a viver a partir dos onze anos, devido ao emprego do pai, porteiro de um condomínio de luxo em Ipanema, um dos metros quadrados mais caros de todo o Brasil.

Disso tudo, Diego se sente como o resultado de uma equação muito simples: o trabalho duro e a crença em Deus resultam em todos os desenvolvimentos que uma pessoa pode ter, seja ele: social, mental ou espiritual. Um elemento vem somar nessa equação: a oportunidade! E ele sabe que esta é negada a muitos que não tiveram a mesma sorte de ser criado num lugar onde as oportunidades eram muitas e estavam ao alcance das mãos. “Muitos dos amigos que eu fiz, quando era criança, não chegaram a pisar em uma faculdade ou num curso de inglês e muito menos a assistir uma ópera no Teatro Municipal.”

A criatividade foi uma característica percebida de imediato por seus primeiros professores que indicaram o teatro para ele, e assim foi. No teatro Diego se encontrou com um mundo mágico e de infinitas possibilidades e onde poderia dar asas a sua imaginação. E rapidamente o dom e o interesse pela arte de escrever apareceram, dando vida a seus personagens e histórias... e ele não parou mais. Atualmente professor, formado pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro, especializado em tradução para o Inglês, se divide entre a vida acadêmica e a vida literária. 

Suas obras publicadas são: "O Julgamento de Lampião", "Guardiões do Rei Arthur", "Sentel York - Os Três Imperadores" e "Sentel York - A Batalha Pelo Amanhecer". Tamanho talento que ele acabou sendo convidado por Gustavo Drago a formar o time Drago Editorial! Hoje, é um dos mais importantes membros da equipe, responsável diretamente por todas as obras que a editora publica.