Subjetividades da Pintura (Celso Piarelli (14x21 / 102 páginas)

Quando avançamos no campo das subjetividades de um fato ou de um conhecimento, o que se diferencia do avanço, também de subjetividades, no campo quântico, onde a forma estrutural é quem evolui. No primeiro caso, encontramos a "não fronteira" entre os conhecimentos, assim como, também, entre os fatos, e com esta constatação descobrimos a realidade das conexões entre os mesmos. Desta forma, nesta obra, esta exploração se dá iniciando-se pelos conhecimentos relativos a arte de pintar que se entrelaçam, em alguns pontos, com conhecimentos filosóficos e, portanto, toda a obra reflete inferências ou reflexões advindas desta exploração, similarmente, aos ready made de Marcel Duchamp que, com a introdução de objetos de um campo de atuação utilitária qualquer, quando imersos num campo, como, no caso, um salão de exposição de artes, ou seja, no campo da arte, acaba por conduzir o observador ao campo do pensamento e das ideias, deixando um pouco para trás a valorização da estética e da beleza. Abrindo, assim, novos caminhos que os leva a novos lugares para, assim, ampliar o seu conhecimento de mundo, mas, prioritariamente, de si mesmo.

R$29,90
Please select variants first