Carmem Villas Bôas - Compêndio de um Amor Perdido

Quando foi abandonada pelo seu companheiro, sem nenhum aviso prévio, ela achou que iria morrer pela dor do desprezo, que sua vida fosse acabar, sentindo-se culpada por ele ter deixado de amá-la, não via nenhum futuro a não ser a solidão, caiu em um redemoinho que a puxava para baixo, afogando-se em um mar de depressão e auto piedade. Mas, aos poucos, ela emergiu, vivenciando outras histórias e erguendo-se novamente, tentando remendar o seu coração, reconstruindo sua vida, em uma difícil jornada entre altos e baixos.